Google+ Followers

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Stop Smoking.

Há quase um mês que fumei o meu último cigarro. Antes da grande gripe me ter atirado para o leito. Há males que vêm por bem... Ou não. Eu adoro fumar, ou melhor, adorava fumar. O prazer do fumo inalado, da ligeira tontura que a nicotina me provocava, acompanhado de uma bela bica (expresso para os internacionais) e uma conversa agradável era um mote para desde os tempos da faculdade sempre ter apreciado a "vida de cafés" (pelo menos quando lá era permitido fumar). Não obstante e mesmo defendendo o direito aos pequenos prazeres mesmo que me arriscando aos grandes males, achei que me estava mesmo a fazer muito mal... e quando senti a balança a pender para o outro lado decidi interromper os meus hábitos tabágicos. Se me custou? Só pelo prazer que me dava... Pelos vistos não era dependente... Às vezes penso... Bem, ás vezes penso muito... mas tento esquecer. O meu último maço de Malboro Lights que andava no carro dei-o a um arrumador no Fonte Nova. O único drama: TENHO UMA FOME DO CATANO e levanto-me a 1/2 da noite para comer ovos estrelados e bacon frito. Ou seja ESTOU FRITO!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentem o que vos apetecer. Viva a liberdade de expressão!