Google+ Followers

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Sem limites





Apesar de já ter postado estas fotos no "melhor blog da net" http://aturmadoespelho.blogspot.com, gostei tanto delas que resolvi também afixá-las no meu blogue pessoal. Porquê? Porque sim... - Porque sim não é resposta, porra. Tudo têm uma razão de existir. Apesar de não ser uma pessoa religiosa convencional tenho as minhas crenças e quero acreditar naquilo que quero acreditar... E na realidade acredito, não deixando no entanto de questionar. Era o que mais faltava deixar de questionar. 
Pela terceira vez esta semana estou de saída de banco... Consegui dormir 50% da mesma na minha caminha. Qualquer dia não conheço a cor dos lençois. Não obstante continuo a gostar de fazer bancos... Há tipos malucos não há? Ontem, os meus alunos foram ter comigo ao banco. Dar aulas é uma das grandes vantagens em trabalhar num Hospital Público Universitário... Apesar das remunerações miserabilistas que nos impingem continuo a acreditar piamente no Sistema Nacional de Saúde. Leccionar aulas práticas a jovens futuros médicos é para mim um desafio e um ganho pessoal... e também uma aprendizagem social, emocional e científica. Para além disso, projectar-me no papel deles é uma forma de eu tentar explicar e simplicar sem tornar simplista temas médicos que fazem parte da minha vivência. Naturalmente tenho os meus mestres como modelos e a forma como me foram tornando parte integrante dos seus conhecimentos e actuação clínica. Mas o mais importante é o meu regresso às origens e entender os alunos como colegas numa fase cronológica um bocadinho mais precoce. Por isto tudo, apesar de podre por mais um banco de 24 horas vou directo para a cama com um sorriso nos lábios (e não, não é o que estão a pensar!) porque me sinto bem entre inteligências vivas, frescas e com sentido crítico.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentem o que vos apetecer. Viva a liberdade de expressão!