Google+ Followers

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

On Strike

Faz exactamente 1 mês desde as minhas últimas palavras escritas aqui. Na realidade não se tratou de nenhuma operação intelectualmente concertada. O único argumento que se me apraz é o de ter estado de greve intelectual. Os neurónios estiveram num estado quiescente e as sinapses não comunicantes. Tudo isto se resume às minhas férias, este ano totalmente dedicadas ao Algarve e dois dias um bocadinho mais para esquerda. Esta minha primeira semana de trabalho tem sido dolorosa, quer pela inércia a que nos habituamos quer pela falta de vontade em reiniciar neurotransmissões. Sinto-me como um sapo a quem alguém coloca um cigarro na boca à espera que expluda. Continuo com o estúpido ritmo de não dormir de noite e acordar cedo, algo a que os meus rebentos me habituaram nas duas últimas semanas. Agora compreendo a tortura do Sono. Na realidade já a tinha compreendido há 7 anos atrás quando o mais "velho" nasceu... Na altura, encontrei um livro de BD muito interessante intitulado o regresso dos mortos de sono que exemplificava brilhantemente o nascimento do segundo bebé de um casal. Deveria ter continuado de greve intelectual já que este texto é tudo menos interessante. A culpa foi dos Eristoff Black Label, Quintas da Pesseguina, Coronas, Grand Cafe, Sacha... etc etc etc. O meu lobo frontal ainda deve continuar a banhos lá por baixo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentem o que vos apetecer. Viva a liberdade de expressão!